Lula terá que pagar multa milionária caso decida pelo regime semiaberto
Ex-presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva

TRF-4 pode impedir saída de Lula da cadeia e vitória do petista pode durar pouco

Nesta terça-feira, 23 de abril, a 5° Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) reduziu a pena imposta ao ex-presidente Lula. Conforme decisão dos ministros, a condenação de Lula é mantida, porém a pena foi reduzida para 8 anos, 10 meses e 2 dias de cadeia. Anteriormente, Lula cumpria pena de 12 anos e seis meses com decisão do Tribunal Regional Federal da 4° Região (TRF-4). Contudo, ainda neste ano, o petista poderá deixar a cadeia após redução de pena, passando então para o regime semiaberto.

Entretanto, Lula ainda não poderá gritar vitória. O petista teve pena reduzida no caso do tríplex no Guarujá, porém ainda responderá por crimes relacionados ao sítio em Atibaia. O TRF-4 irá analisar a sentença da juíza Gabriela Hardt sobre o caso do sítio. Caso os desembargadores condenem o petista mais uma vez, as chances de ir para o regime semiaberto poderão ser nulas.

STF ainda poderá ajudar Lula

Outro ponto levantado pelo portal “O Globo” é que a discussão de prisões em segunda instância no Supremo poderia tirar Lula de trás das grades. Caso o Supremo mude o entendimento de prisões após condenação em segunda instância, afetará diretamente Lula. Desta forma, o petista, mesmo condenado no TRF-4, Lula poderia ser solto.

Resta agora esperar o resultado do julgamento no tribunal e também o posicionamento do Supremo.

O petista está preso desde 7 de abril de 2018 na carceragem da Polícia Federal, em Curitiba, Paraná. Lula é acusado de crimes de corrupção e lavagem de dinheiro. Advogados já tentaram todos os recursos possíveis para reverter a pena. Agora, acreditam na possibilidade de Lula solto no mês de setembro deste ano.

Redatora do Brasil no Ato

Nasceu em 03 de agosto de 1993.

Formada em Gestão Financeira pela Umesp (Universidade Metodista de São Paulo-SP).

Colaboradora no site Blasting News e Blasting Pop

Talita preza pela informação relevante e com qualidade.

 

email: talita.cari@hotmail.com

Telefone: (11) 9 8494 2499

Fonte:O Globo
Comentários: 2

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

  1. Absurdo.
    Não podemos mais confiar na justiça.
    Pois parece que todos estão a favor pela liberdade de Lula.
    Apesar de todas as evidências em processos.
    Se for solto, vai se mandar do Brasil, se refugiar aos países que que favoreceu e com a mesma ideologia.

  2. TRF-4, nao precisa ter pressa, analisem o processo contra Lula com todo o carinho e em seus minimos detalhes, a pressa e inimiga da perfeicao e voces poderao condenar um inocente injustamente.