Bolsonaro e Moro se reúnem à portas fechadas e interlocutores falam em 'rede de intrigas'
Bolsonaro e Moro se reúnem à portas fechadas e interlocutores falam em 'rede de intrigas'

À portas fechadas, Moro e Bolsonaro teriam falado em ‘rede de intrigas’

Nesta terça-feira (27), o ministro da Justiça e da Segurança Pública, Sérgio Moro, e o presidente Jair Bolsonaro, tiveram um encontro reservado no Palácio do Planalto. Segundo declarações de interlocutores deles, Moro e Bolsonaro falaram que existe uma “rede de intrigas” que visa desestabilizá-los.

Embora, o ministro e o presidente não tivessem conversado sobre a reunião, tudo mostra que os dois notaram as constantes matérias que tentam criar um suposto desequilíbrio no governo. Após o encontro, Moro postou no Twitter que o presidente possui um compromisso com o combate à corrupção e isso seria um dos motivos que o levou a aceitar o cargo de ministro. Bolsonaro respondeu ao tuíte de Moro: “Vamos, Moro!”. O ministro mandou de volta: “Estamos juntos, Sr. presidente”.

Em uma entrevista à GloboNews, Moro destacou que o diretor-geral da PF continuará no cargo e que tem total confiança dele. Vale ressaltar que Bolsonaro chegou a dizer que trocaria o diretor. Parece que os dois estão ajeitando as coisas.

Editor e redator do Brasil no Ato

Nasceu em 06 de julho de 1980.

Graduado em Administração de Empresas pela FSA (Fundação Santo André-SP).

Juliano é colaborador do site Blasting News e Blasting Pop e formado em SEO pelo Senac.

 

e-mail: julianocari@hotmail.com

Telefone: (11) 9 7506 4202

Comentários: 0

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *