Olavo de Carvalho deixa mensagem e sugestão para Sérgio Moro através de vídeo
Olavo de Carvalho deixa mensagem e sugestão para Sérgio Moro através de vídeo

Em vídeo, Olavo de Carvalho envia recado urgente a Sérgio Moro

O filósofo, escritor, e chamado de guru de Jair Bolsonaro, professor Olavo de Carvalho, decidiu enviar um recado ao ministro da Justiça e da Segurança Pública, Sérgio Moro, e ressaltou que a mensagem era algo urgente.

De acordo com o escritor, ele aconselhou Moro a não ficar dando satisfações para bandidos, que já estão envoltos de investigações pesadas de supostos atos de corrupção e lavagem de dinheiro. Olavo disse que quem deveria estar se explicando são esses parlamentares que tentam emparedar o ministro após os vazamentos de diálogos entre ele e o procurador da República, Deltan Dallagnol. Vale ressaltar que Moro esteve na CCJ da Câmara se defendendo nesta terça-feira (02).

Na gravação, o professor também reiterou que as perguntas feitas pela oposição ao ministro são sem sentido e nem deveriam ser respondidas.

Sugestão

No vídeo, Olavo de Carvalho sugeriu que se acabasse com os partidos que estão conectados ao Foro de São Paulo. Segundo ele, esses partidos estão agindo ilegalmente e ferindo a Lei Eleitoral. Conforme a lei, partidos brasileiros não podem estar filiados com organizações estrangeiras.  O guru de Bolsonaro pede também a cassação dos direitos políticos dos membros desses partidos.

Outro ponto levantado por Olavo, é que se verifique o dinheiro que sustenta o Foro de São Paulo. Ele afirma que existe entidades criminosas por trás desses partidos. Isso envolveria também distribuição de drogas na América Latina.

Veja o vídeo gravado por Olavo:

Editor e redator do Brasil no Ato

Nasceu em 06 de julho de 1980.

Graduado em Administração de Empresas pela FSA (Fundação Santo André-SP).

Juliano é colaborador do site Blasting News e Blasting Pop e formado em SEO pelo Senac.

 

e-mail: julianocari@hotmail.com

Telefone: (11) 9 7506 4202

Comentários: 0

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *